-Irmão André visita cristãos e guerrilheiros em Gaza

O Irmão André visitou a cidade de Gaza no final do mês de fevereiro com o objetivo de encorajar os cristãos que vivem ali em circunstâncias terríveis. “As condições nas quais encontramos este pequeno pedaço de terra são miseráveis”, disse André, fundador da Portas Abertas.

“Choveu por alguns dias e, em vários lugares, o esgoto está ruim. Então, o fedor de lixo pairava as ruas alagadas de Gaza”. E com tristeza na voz, ele acrescentou: “E um pouco de lixo na rua é apenas um dos problemas que as pessoas têm de enfrentar.”

Biblioteca da ACM

Poucos dias antes de sua visita, um ataque às dependências da Associação Cristã de Moços (ACM) em Gaza apavorou a pequena comunidade cristã da cidade.

Quatorze homens mascarados renderam dois guardas e colocaram duas bombas no prédio, uma no escritório da administração e outra na biblioteca.

Apenas a segunda bomba explodiu, ainda assim, o estrago foi tremendo. “A biblioteca continha cerca de 8.000 livros, e centenas deles foram total ou parcialmente destruídos”, disse o Irmão André. “Os outros livros foram transferidos para um local seguro e estão sendo restaurados”.

Os danos sofridos pelo prédio foram grandes. “Quando a bomba foi detonada, abriu um grande buraco no chão e derrubou prateleiras e estantes. As luzes estão penduradas no teto por apenas um fio. Graças a Deus, ninguém se machucou com o ataque”.

Os dois guardas presentes foram liberados sem nenhum ferimento pelos próprios invasores.

Livraria cristã

Para muitos cristãos em Gaza, o ataque à biblioteca da ACM aumentou sua ansiedade, porque foi uma violência especificamente contra os cristãos.

Muitos vêm se sentindo encurralados como uma minoria dentro de uma minoria, principalmente depois do assassinato de Rami Ayyad em outubro de 2007 ( leia mais).

Por enquanto, a única livraria cristã em Gaza, dirigida pela Sociedade Bíblica Palestina, ficará fechada. “É muito triste ver as portas azuis da loja fechadas e verificar que alguém deixou alguns painéis encostados à porta displicentemente, enquanto tanta coisa valiosa está atrás daquelas portas!” disse o Irmão André.

Uma bíblia para o líder da Jihad Islâmica

O motivo pelo qual o Irmão André foi para Gaza, principalmente sob essas circunstâncias, foi “porque precisávamos trazer uma palavra para os Filhos de Deus”.

“Tenho compartilhado a Palavra com muitos cristãos, principalmente a carta aos Filipenses, que diz que devemos ser corajosos diante de nossos inimigos, que devemos viver em um caminho que traga honra ao Evangelho de Cristo. Precisamos orar por esses amados!”

Além de visitar cristãos, o Irmão André também entrou em contato com o líder da Jihad Islâmica em Gaza e deu a ele uma Bíblia. “Precisamos dar a Palavra de Deus a esses líderes”, disse André, como se fosse algo normal de se fazer. “Depois eu orei com ele, porque você não acha que deveria ter alguém orando com um líder da Jihad Islâmica?”

Pedidos de oração

* Ore pela paz em Jerusalém, Belém e cidade de Gaza. Ore para que esse ciclo destrutivo de assassinato e violência seja rompido.

* Ore para que os cristãos envolvidos em ministérios na cidade de Gaza tenham sabedoria. Ore para que eles tomem as decisões certas em como avançar e prosseguir.

* Ore para que haja uma abertura por parte das diferentes facções islâmicas. Ore para que eles conheçam Jesus, através de sonhos, através do testemunho de um cristão ou de qualquer outra maneira.
* Ore para que o líder da Jihad leia a Bíblia que ganhou de presente (não apenas ele, mas muitos outros também).

Fonte: Missão Portas Abertas

Lewer kommentaar

Verskaf jou besonderhede hieronder of klik op 'n logo om in te teken:

WordPress.com Logo

Jy lewer kommentaar met jou rekening by WordPress.com. Log Out / Change )

Twitter picture

Jy lewer kommentaar met jou rekening by Twitter. Log Out / Change )

Facebook photo

Jy lewer kommentaar met jou rekening by Facebook. Log Out / Change )

Google+ photo

Jy lewer kommentaar met jou rekening by Google+. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: